quarta-feira, 14 de março de 2012

Não me julgue por ser hoje completamente o oposto de ontem. Ontem eu amava demais, me importava demais, sonhava demais, acreditava demais.Tudo demais. E o que foi demais, sobrou pra você, não correspondia, não demonstrava. Agora se hoje, não me importo, não demonstro e melhor, deixei de ir atrás de você, não reclame. Atitudes de ontem, consequências de amanhã.

Nenhum comentário:

Postar um comentário